Portfólio de oficinas e minicursos

Oficina MUCAI
Da menina negra à mulher empoderada
Divindades femininas africanas e poder
01
press to zoom
02
press to zoom
03
press to zoom
04
press to zoom
05
press to zoom
06
press to zoom
07
press to zoom
08
press to zoom
1/1

A oficina "MUCAI: Da menina negra à mulher empoderada - Divindades femininas africanas e poder" foi realizada no dia 29 de outubro de 2019, com crianças do Bahia Street. A atividade fez parte da programação da III Formação Feminista para Crianças, promovida pela referida Ong.

Oficina MUCAI: Conte a sua História

A oficina MUCAI: conte a sua história, foi realizada no dia 16 de outubro de 2019, no evento CANDACES: III Ciclo Internacional. 

A atividade promoveu um mergulho no campo do empoderamento da mulher negra, por meio da valorização de divindades femininas cultuadas Candomblé e que estão presentes nos contos africanos. Em meio a este cenário, ilustramos o poder da mulher negra que resiste na contemporaneidade, com a apresentação de convidadas especiais, mulheres de axé que relataram suas próprias histórias de vida, como exemplos de continuidade da arkhé africano-brasileira.

01

01

02

02

03

03

04

04

05

05

06

06

07

07

08

08

Oficina de Contos Africanos

A Oficina de Contos Africanos ocorreu no dia 17 de junho de 2018, na 12ª Feira Comunitária, em Feira de Santana (BA).

A atividade foi realizada com estudantes do curso de Pedagogia e o evento local abordou o tema "Homenagem ao Homem do Campo".

Minicurso EAD 2018

O minicurso EAD "Ensino-aprendizagem com narrativas africanas: desbravando o Museu Virtual de Contos Africanos e Itan (MUCAI)" foi realizado no período de 10/06 a 29/06/2018, como parte da programação do evento Jornada Virtual ABED de EAD (JOVAED).

Oficina Museu Virtual de Contos Africanos

A oficina "Museu Virtual de Contos Africanos" foi realizada no dia 25 de julho de 2017, no evento "Candaces – II Ciclo Internacional: Mulher Negra e Ancestralidade na Diáspora Latinoamericana", na UNEB. Público-alvo: estudantes, educadores e demais interessados na literatura afro-brasileira, com o foco na acessibilidade e na disseminação do conhecimento de produção didático-pedagógica.